BES com 381 milhões de prejuízos

O Banco Espírito Santo (BES) fecha o terceiro trimestre com prejuízos de 381 milhões de euros. Este balanço contrasta com os lucros de 90 milhões apresentados há um ano.

Aos que durante anos criticaram a banca por não pagar impostos suficientes, o presidente do BES lembra que agora pagam mais impostos, embora apresentem prejuízos enormes. Ricardo Salgado lamenta, por isso, o imposto extraordinário sobre o sector, que é renovado no Orçamento do Estado para 2014.

O presidente do BES diz ainda que podemos ser obrigados a um segundo resgate, se o Tribunal Constitucional chumbar medidas do Orçamento para o próximo ano, e isso seria o pior que nos podia acontecer.

Em plena crise diplomática com Angola, Salgado defende que é preciso fazer tudo para recuperar a relação de familiaridade com aquele país africano.

fonte:http://rr.sapo.pt/in

publicado por adm às 00:12 | comentar | favorito
tags: