Taxas de juro: UE impõe multas multibilionárias a vários bancos

A União Europeia vai impor multas multibilionárias a um conjunto de bancos por manipulação de importantes taxas de juro, designadamente da Euribor, noticiou hoje o Tinancial Times na sua página na Internet.

O Royal Bank of Scotland, o Deutsche Bank e o Societe Generale já estão prontos para pagar as multas em dezembro, depois de terem chegado a um acordo com Bruxelas.

O JPMorgan, o HSBC e o Credit Agricole podem pagar mais tarde, sem terem chegado a qualquer acordo, adianta o diário económico britânico.

O Societe Generale e o Credit Agricole recusaram-se a comentar o assunto, quando questionados pela agência noticiosa AFP.

Os bancos que chegaram a acordo podem esperar uma multa reduzida.

A Libor e a Euribor são estimativas das taxas às quais os bancos se emprestam dinheiro uns aos outros e são baseadas em informação fornecida por um painel de bancos.

Estes valores são usados depois para estabelecer um vasto conjunto de contratos e produtos financeiros, no qual servem de referência.

A manipulação destes produtos já conduziu a significativas multas a bancos.

O escândalo surgiu à luz do dia em 2012, quando o Barclays foi multado em 339 milhões de euros pelos reguladores britânico e norte-americano por manipulação das taxas interbancárias entre 2005 e 2009.

Mas recentemente, em outubro, o holandês Rabobank anunciou ter chegado a um acordo para pagar uma multa de 774 milhões de euros para encerrar um processo por manipulação da Libor.

fonte:Dinheiro Digital com Lusa

publicado por adm às 21:08 | comentar | favorito