BES sobe mais de 8% para máximos de Setembro de 2011

O alívio nas taxas de juro associadas às dívidas europeias, sustentado pela possível ida da Irlanda ao mercado, está a conduzir a uma forte subida da banca nacional. BES em máximos de 2011 e BPI no valor mais alto desde 2010.

O BES está a ganhar mais de 8% e já tocou em valores que não eram alcançados desde Setembro de 2011 na sessão desta terça-feira, 7 de Janeiro. O banco liderado por Ricardo Salgado (na foto) lidera os ganhos no sector financeiro português.

 

O início de ano continua a ser positivo para a banca nacional, com as perspectivas de recuperação da economia portuguesa no ano em que se prevê chegar ao fim do programa de resgate, solicitado em Abril de 2011.

 

A Irlanda, que já terminou o seu resgate, prepara-se para ir ao mercado para se financiar autonomamente. Esse facto está a levar a uma descida das taxas de juro associadas à dívida dos países periféricos, o que reflecte uma maior confiança por parte dos investidores. E isso tem efeitos na banca.

 

O BES é o banco que mais está a subir. A cotada está a ganhar 7,77% para negociar nos 1,22 euros, tendo já subido cerca de 9% numa altura em que tocou nos 1,233 euros. É a cotação mais elevada desde Setembro de 2011. A “holding” que o controla, o Espírito Santo Financial Group, segue nos 5 euros com um avanço de 1,71%.

 

O BPI, que ontem já subiu mais de 5%, segue a somar 4,57% para os 1,395 euros. A instituição financeira está num máximo desde Novembro de 2010.


Em alta expressiva também negoceia o Banif. O banco, que ainda procura um investidor de referência internacional para concluir o processo de capitalização, marca um avanço de 4,59% para ser transaccionado nos 1,14 cêntimos.

 

Depois do seu melhor ano de sempre em 2013, o BCP também segue a tendência positiva. O banco está a subir 1,99% para os 17,93 cêntimos.

 

O sector financeiro está a impulsionar o PSI-20. O índice de referência nacional está na pontuação mais elevada desde Agosto de 2011, com um ganho de 1,86% que o coloca nos 6.917,25 pontos.

fonte:http://www.jornaldenegocios.pt/

publicado por adm às 20:48 | comentar | favorito
tags: