Santander Totta baixa "spread" da casa para clientes "premium"

O banco passou a diferenciar as margens exigidas nos empréstimos destinados à compra de casa, cobrando um "spread" mínimo de 2,3% no caso dos clientes "premium". Os restantes mantêm uma taxa de 2,49%, uma das mais baixas do sector.

O Santander Totta reviu em baixa o "spread" mínimo aplicado nas operações de financiamento para a compra de habitação, mas não para todos os clientes. Passou a beneficiar os clientes "premium", que no banco são identificados como "Select", que podem ter acesso a um "spread" de 2,3%.

 

"O ‘spread’ é válido para todos os clientes Select, durante todo o prazo do empréstimo, premiando o seu maior relacionamento com o banco. Estes clientes beneficiam ainda de montantes de financiamento alargados, até 80% do valor de avaliação da nova casa", refere a instituição em comunicado.

 

Questionada sobre o que é necessário para ser um cliente "Select", a instituição revelou que as condições de acesso a esse estatuto são: "ordenado mensal domiciliado no banco igual ou superior a 2.500 euros, ou clientes com idade igual ou inferior a 45 anos e património superior a 50.000 euros e todos os clientes com mais de 75.000 euros".

 

Estes clientes "premium" passam a beneficiar de um dos "spreads" mais baixos do mercado. Entre os grandes bancos, o Santander Totta apresenta o mais reduzido, mas o Banco Popular tem a margem mínima mais atractiva, de 2,25%, e para todos os clientes. No caso do Totta, os clientes que não são "Select" podem obter uma taxa de 2,49%.

 

fonte:http://www.jornaldenegocios.pt/

publicado por adm às 19:53 | comentar | favorito