Lucro do Santander cai para metade em relação ao primeiro semestre de 2012

O Santander Totta teve um lucro de 31 milhões de euros no primeiro semestre deste ano. Ainda assim, um valor que representa uma queda de 50% face aos primeiros seis meses de 2012. 

Durante a conferência de imprensa de apresentação dos resultados, o presidente do banco, Vieira Monteiro, garantiu que os custos estão controlados, confirmando que no primeiro semestre do ano o Santander encerrou 17 balcões e reduziu em 83 pessoas o número de funcionários. 

“Fechámos 17 balcões e saíram 83 colaboradores”, revelou o presidente do banco.  “A nossa política relativamente ao fecho de balcões tem sido muito clara. Queremos ter uma rede de agências cada vez mais competitiva”, sublinhou. 

Vieira Monteiro realça que o actual Totta resulta da fusão de três bancos: o Totta, o Santander Portugal e o Crédito Predial Português, pelo que há ainda alguma sobreposição de balcões nalgumas localidades portuguesas. 

“Vamos continuar a optimizar a nossa rede de agências”, frisou. 

Quanto às saídas de pessoal durante o primeiro semestre, o gestor disse que a maioria decorreu de “rescisões que resultam, em muitos casos, de pedidos feitos por pessoas que querem sair”, a que se somaram as saídas para a reforma. 

António Vieira Monteiro antecipou que os resultados vão continuar positivos até ao final do ano, salientando que a economia está a dar sinais de algum crescimento.

fonte:http://rr.sapo.pt/in

publicado por adm às 23:48 | comentar | favorito
tags: