Estado aumenta recurso à banca nacional

Sector público vira-se para os bancos portugueses.

O recurso do Estado à banca nacional aumentou este ano, sobretudo desde a ajuda externa a Portugal. Com os mercados internacionais de costas voltadas para a economia portuguesa, o Tesouro e as Administrações Públicas viram-se para os bancos.

De acordo com o boletim económico de Outono do Banco de Portugal, tem havido um "significativo aumento do financiamento junto dos bancos domésticos", fruto da "escalada das taxas de rendibilidade das Obrigações do Tesouro para níveis economicamente incomportáveis" e das "acrescidas dificuldades no acesso a financiamento por parte do sector público". Este recurso à banca nacional é particularmente visível desde o pedido de ajuda externa: "As responsabilidades das Administrações Públicas perante os bancos residentes aumentaram consideravelmente no segundo trimestre de 2011". Um reforço que, sublinha o banco central, coloca "uma pressão adicional sobre as condições de financiamento do sistema bancário".

Desde Dezembro de 2009 até agora, os títulos emitidos e os empréstimos concedidos às Administrações Públicas duplicaram o seu peso no balanço das instituições bancárias. Em Julho deste ano, representavam já "cerca de 8% do activo bancário". Já o crédito ao sector privado, ou seja, à economia, que continua a ter "um contributo positivo", está a abrandar, abrandamento esse que se tem "acentuado nos últimos meses".

fonte:http://economico.sapo.pt/

publicado por adm às 08:24 | favorito