Mais de metade dos portugueses tem apenas uma conta bancária

Mais de metade (66 por cento) dos portugueses só tem uma conta bancária, e os produtos financeiros mais populares para lá da conta à ordem são os seguros, os cartões de crédito e os depósitos a prazo.

Estes dados constam do Inquérito à Literacia Financeira da População Portuguesa 2010, cujos resultados definitivos foram hoje apresentados pelo Banco de Portugal (BdP) em Lisboa.

O número médio de contas bancárias por cada português é 1,4. No entanto, 66 por cento dos inquiridos no estudo só tem uma conta; 26 por cento têm duas contas; 6 por cento têm três contas e apenas 2 por cento têm quatro ou mais.

Estes valores são percentagens dos cidadãos que têm contas em algum banco. Para além deles, 11 por cento dos portugueses adultos não têm qualquer conta bancária.

Entre os inquiridos que usam regularmente serviços bancários, os produtos financeiros mais populares para lá da conta à ordem são os seguros (mencionados por 37 por cento dos entrevistados). Seguem-se os cartões de crédito (32 por cento), os depósitos a prazo (31 por cento) e o crédito à habitação.

Os planos de poupança só são subscritos por 16 por cento dos inquiridos. Só minorias abaixo dos 5 por cento adquirem produtos de investimento como certificados de aforro, ações, fundos ou obrigações.

Os primeiros resultados do inquérito à literacia financeira foram apresentados pelo BdP em outubro de 2010.

O inquérito foi feito com base em duas mil entrevistas porta-a-porta realizadas entre fevereiro e março de 2010 pela firma de estudos de opinião Eurosondagem. Os resultados têm uma margem de erro de 2,2 por cento para uma probabilidade de 95 por cento.

fonte:http://www.dn.pt/i

publicado por adm às 23:07 | comentar | favorito