Totta renegoceia 3 mil créditos habitação em 20 dias

O Santander Totta lançou há pouco tempo um programa de renegociação das condições do crédito à habitação para famílias em dificuldades e, no espaço de 20 dias, resolveu a situação de três mil clientes, revelou o presidente do banco.

«Três mil clientes vieram ter com o banco renegociar os empréstimos. Lançámos um programa e em 15, 20 dias, conseguimos resolver três mil situações», disse Vieira Monteiro, presidente do Santander Totta, no decorrer da apresentação dos resultados semestrais do banco.

«Com este sistema não estamos a ir buscar casas às pessoas. As soluções mais drásticas só para os casos limite, tentando que sejam cada vez menos», frisou, citado pela Lusa.

«O nosso negócio é dinheiro, não é casas, nem cimento», reforçou Vieira Monteiro.

De acordo com o gestor, o programa em curso no Santander Totta faz, em primeiro lugar, uma avaliação de quais são os clientes que estão em dificuldades.

Feita a sua segmentação, os clientes são contactados e confrontados com as soluções sugeridas pelo Santander Totta: carências de capital, aumentos de par e, nalguns casos, valores residuais no fim mais altos do que normalmente se aceitam.

«É feita a negociação com o cliente, em busca da melhor solução e o resultado tem sido extremamente positivo», realçou Vieira Monteiro.

Sobre a discussão política acerca das novas regras para os contratos de crédito à habitação que estão nas mãos dos deputados, o banqueiro disse que não se queria intrometer, remetendo a sua posição para a que foi transmitida pela Associação Portuguesa de Bancos (APB) no Parlamento.

«A APB está em contacto com os vários grupos parlamentares e transmitiu a posição do sistema bancário, em conjunto», afirmou.

«Nós adiantámo-nos e lançámos uma série de soluções para ir ao encontro das necessidades das famílias», rematou o gestor.

fonte:http://www.agenciafinanceira.iol.pt/f

publicado por adm às 23:30 | comentar | favorito